Ausência de deputados faz votação na ALE ser cancelada

Por Geraldo Farias


A votação na Assembleia Legislativa do Estado (ALE) foi cancelada, nesta quinta-feira (23), por falta de quórum. Segundo o presidente da Casa, deputado Josué Neto (PSD), o prejuízo é político, pois uma das matérias previstas para aprovação era do Ministério Público do Estado (MP-AM), sobre percentuais de pagamento de diárias, onde havia pedido de urgência em sua tramitação.

Josué Neto anunciou, no início da sessão da Assembleia, que haveria votação. No final do grande e do pequeno expediente, o presidente da ALE pediu para que os deputados descessem de seus gabinetes ou ficassem atentos à realização da votação no plenário. Após esperar pouco mais de dez minutos, Josué mandou fazer nova contagem dos deputados.

Após esperar quase dez minutos, novamente, decidiu encerrar a sessão, pois o quórum não havia sido composto. O Regimento Interno diz que é necessário que, ao menos, 13 deputados estejam presentes na sessão de votação e só dez estavam no plenário.

VÍDEOS