Tiroteio entre PMs e suspeitos de roubo acaba com um morto e três presos

Durante o confronto, três suspeitos foram presos. O grupo chegou a roubar dinheiro, uma TV e objetos pessoais

Jucélio Paiva contato@jornaldezminutos.com.br

Um tiroteio entre policiais militares com seis suspeitos de assalto terminou com um morto e três presos, na tarde de ontem, na Rua Preciosa, bairro Jorge Teixeira, zona leste de Manaus. Dois suspeitos conseguiram fugir, conforme informações do major Guilherme Sette, comandante da 30ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom).

Minutos antes do confronto com os policiais, os suspeitos fizeram, pelo menos, sete pessoas reféns, durante um assalto a um mercadinho, localizado na Avenida Grande Circular, Comunidade Monte Sião, também na zona leste de Manaus.

O carro usado pelo grupo tinha sido roubado, durante a madrugada de ontem, de um motorista de aplicativo de transporte pago, durante uma corrida no bairro Grande Vitória, também na zona leste de Manaus. O carro ficou crivado das cápsulas devido ao tiroteio entre os suspeitos e os policiais militares da 30ª Cicom.

De acordo com o major Sette, o dono do mercadinho acionou a polícia após o roubo, de onde os suspeitos levaram dinheiro, uma televisão e objetos pessoais das vítimas. “Fizemos o acompanhamento e fomos recebidos a tiros, na Rua Preciosa, local do confronto, após revidarmos a investida dos suspeitos”, disse o major.

O dono do mercadinho assaltado, que pediu para não ter o nome divulgado, contou que conhecia o suspeito que morreu durante o tiroteio. “Era conhecido como ‘Glauber’ e vendia água no semáforo do Mutirão. Sempre comprava com a gente, mas foi ele quem colocou a arma na cabeça do meu filho e ameaçou ele de morte”, afirmou.

Os três suspeitos presos, Valdinei Xavier Alcantares, 35, Raylan Viana, 18, e Gilson dos Santos da Silva, 18, foram levados para o 14º Distrito Integrado de Polícia (DIP). Com os suspeitos, os policiais apreenderam uma pistola de brinquedo e uma arma de fabricação caseira, com uma munição calibre 16.

 

Durante o confronto, três suspeitos foram presos. O grupo chegou a roubar dinheiro, uma TV e objetos pessoais (Foto: Jucélio Paiva/Divulgação e Bárbara Mitoso/Divulgação )

VÍDEOS