Suspeitos de matar motorista do Uber em SP são encontrados pela polícia em Manaus

Segundo a imprensa paulista, o homem foi morto a facadas após discutir com um grupo de travestis. Suspeitos são naturais de Manaus e voltaram à capital logo após o crime

Carla Albuquerque / redacao@diarioam.com.br

Manaus – Um adolescente de 15 anos foi apreendido e Alan Leite Cardoso, de idade não divulgada, foi preso, nesta quarta-feira (11), pela Polícia Civil do Amazonas (PC), na zona leste de Manaus, suspeitos de terem assassinado a facadas, em agosto deste ano, na cidade de São Paulo, o motorista de Uber Felipe Araújo Lopes, 30.

De acordo com o delegado de Capturas e Polinter, Bruno Fraga, o menor foi encontrado em um bar, na Rua 18 de Outubro, no Bairro Jorge Teixeira, zona leste. Já Alan foi preso no Beco do Fuxico, na Avenida Desembargador Hilário Gurjão, também no Jorge Teixeira. A prisão e apreensão ocorreram em cumprimento de mandado de prisão e apreensão.

Um homem foi preso e um adolescente, de 15 anos, apreendido, suspeito do crime (Fotos: Divulgação/PC e Sandro Pereira)

A dupla, que segundo a polícia é natural de Manaus, voltou para a capital amazonense logo após a morte do motorista. Felipe, segundo informações da imprensa paulista, foi morto a facadas após ter discutido com um grupo de travestis, após os suspeitos terem jogado pedras no carro dele.

O crime ocorreu na esquina da Alameda dos Tacaúnas com Avenida Indianapólis, conhecida zona de prostituição de São Paulo.

O delegado informou que a Polinter, em ação conjunta com a Secretaria Executiva de Inteligência (Seai), recebeu informações sobre a localização dos suspeitos. Os mandados de prisão e apreensão foram encaminhados para Manaus, os quais foram cumpridos nesta quarta-feira.

O adolescente foi encaminhado para a Delegacia Especializada em Apuração de Atos Infracionais (DEAAI). Já Alan foi conduzido até o 19º Distrito Integrado de Polícia (DIP). De acordo com a polícia, a dupla ainda será interrogada sobre o crime e avaliará se será ou não encaminhada para São Paulo.

VÍDEOS