Sabino é avaliado por renomado médico do Sírio-Libanês e família está confiante

Mais cedo, o hospital já havia informado que o deputado chegou a São Paulo durante a tarde e, segundo apurou a reportagem, ele foi transferido do aeroporto para o hospital de ambulância e não de helicóptero

Da Redação

Manaus – O deputado federal Sabino Castelo Branco segue internado no hospital Sírio-Libanês, em São Paulo. Mais cedo, o hospital já havia informou que o deputado chegou a São Paulo durante a tarde e, segundo apurou a reportagem, ele foi transferido do aeroporto para o hospital de ambulância e não de helicóptero, a pedido do trio que veio a Manaus para acompanhá-lo nessa transferência.

“O quadro dele é estável. Ele está respondendo bem aos medicamentos e precisa ser mantido sedado por um tempo para diminuir a atividade cerebral”, explicou o irmão de Sabino, Acioly Castelo Branco, que deixou a unidade hospitalar por volta das 23h30. “Ele está em franca recuperação. O quadro é bom”, completou.

Sabino foi internado no Hospital Samel na noite de domingo (13), depois de sofrer um Acidente Vascular Cerebral (AVC) hemorrágico. Durante a madrugada e a tarde de segunda, ele passou por duas cirurgias bem-sucedidas.

Na noite de segunda, três profissionais do Sírio-Libanês vieram a Manaus para avaliar a possibilidade de transferência do deputado, o que ocorreu na manhã desta terça, por volta das 9h05, quando a UTI-Aérea deixou o Terminal 2 do Aeroporto Internacional Eduardo Gomes, o Eduardinho.

Na noite desta terça, o médico Roberto Kalil avaliou o estado de Sabino e, ainda segundo apurou a reportagem, a informação é de que o deputado está respondendo bem, com boa oxigenação no cérebro e pressão sanguínea sob controle. Kalil é diretor da divisão de cardiologia do Sírio-Libanês e do Instituto do Coração, também em São Paulo. Entre seus pacientes estão Luiz Inácio Lula da Silva, Dilma Rousseff e Michel Temer.

Segundo a assessoria do deputado, a equipe médica realizou diversos exames clínicos no parlamentar durante toda a tarde desta terça- feira (15), que apontaram melhoras significativas no estado de saúde dele. “Constataram que os órgãos estão em pleno funcionamento, que não há mais nenhum sangramento no cerébro e que, inclusive, foi retirado o catéter que drenava o sangue da hemorragia no crânio. De acordo com os médicos, se a evolução do quadro do deputado Sabino continuar nesse ritmo, em breve poderá ser retirada a entubação”.

VÍDEOS