Presos por homicídio trocam beijos

A polícia informou que o crime aconteceu na tarde do dia 23 de março de 2018, em uma área de mata fechada, no bairro Coroado 3, zona leste da capital.

Sigrid Avelino contato@jornaldezminutos.com.br

AMOR NO CRIME –  O casal preso por envolvimento na morte de Wallace Souza Batista, 32, conhecido como ‘Preto’, foi apresentado em coletiva de imprensa, na manhã de ontem. Na Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), os dois trocaram beijos.

Conforme informações da Polícia Civil (PC), Ítalo Amaral Pinho, 34, foi preso no dia 4 de janeiro deste ano, na estrada de Balbina, em Presidente Figueiredo, e Silvane Ribeiro da Silva, 26, na última sexta-feira (11), na Comunidade Nova Vitória, bairro Gilberto Mestrinho, zona leste de Manaus.

A polícia informou que o crime aconteceu na tarde do dia 23 de março de 2018, em uma área de mata fechada, no bairro Coroado 3, zona leste da capital. Outro casal envolvido no assassinato de Wallace já tinha sido preso em maio deste ano, Daniel Mariano da Silva, 30, e a companheira dele, Jessica Anaquiri Azevedo, 24.

Apesar de trocar dois ‘selinhos’ e um beijo na delegacia, o casal estava separado. Os dois foram indiciados por homicídio qualificado (Foto: Valdemir Rosas/Divulgação)

As duas mulheres teriam um caso com a vítima e, segundo a polícia, elas foram responsáveis por atrair o homem para a área de mata. Wallace era primo de Silvane e de Daniel, ou seja, supostamente, teria um caso com a própria prima e com a esposa do primo. Em depoimento, Ítalo confessou que deu os golpes de terçado em Wallace, mas negou a motivação. Ele disse, ainda, que a vítima aliciava a enteada dele, mas, com base nas investigações, o relato foi descartado pela polícia.

Apesar de trocar dois ‘selinhos’ e um beijo na delegacia, o casal estava separado. Os dois foram indiciados por homicídio qualificado.

VÍDEOS