Soldado da Aeronáutica é morto e polícia descarta tentativa de assalto

Wiliam Alves Freire foi atingido por um tiro nas costas no momento em que chegava em casa. Segundo a família, os autores do crime esperaram por ele no local

Gisele Rodrigues/ redacao@diarioam.com.br

O crime aconteceu no início da noite desta quinta-feira (Foto: Reprodução/Arquivo pessoal)

Manaus – O soldado da Aeronáutica Wiliam Alves Freire, 22, foi atingido por um tiro nas costas, no início da noite desta quinta-feira (17), quando chegava, de moto, na casa dele, localizada no Armando Mendes, zona leste de Manaus. Segundo familiares, os autores do crime estavam em um veículo, modelo HB20, de cor vinho, aguardando a chegada da vítima.

Na Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), a investigação não está ligando o assassinato a tentativa de assalto.

“Ele tinha ido ao supermercado, onde foi comprar um lanche. Aí, quando ele foi chegando, suspeitos desceram com o carro e gritaram: ei!”, contou o tio da vítima, Ebenézer Coelho.

De acordo com Coelho, neste momento, o sobrinho partiu com a moto e os bandidos efetuaram três tiros na direção do militar.

“A gente não sabe o que aconteceu, mas de uma coisa tenho certeza, ele não era metido com drogas. Era uma pessoa muito querida”, disse outro familiar identificado somente como Fábio.

VÍDEOS