Em média, sete ônibus são assaltados por dia em Manaus

Manaus – Entre os meses de janeiro e maio deste ano, o Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Estado do Amazonas (Sinetram) registrou 1.082 ocorrências de assaltos a ônibus do transporte coletivo em Manaus, uma média de sete crimes por dia. Um motorista morreu no início do ano, após ser morreu após ser esfaqueado no tórax, em um assalto, no bairro Cidade de Deus, zona leste de Manaus.

A quantidade de crimes registrados em 2016 rendeu às empresas de ônibus um prejuízo de cerca de R$ 310,8 mil, segundo informações do Sinetram. O registro de assaltos deste ano já contabiliza cerca de 40% dos registros de 2015, quando 2.701 assaltos a ônibus foram registrados pela entidade.

O Sinetram afirmou, por meio da assessoria, que uma das alternativas para a redução no número de crimes dentro dos ônibus é o uso dos cartões passafácil para o pagamento da tarifa.

Ainda de acordo com Sinetram, em todos os casos os funcionários são orientados a registrar o Boletim de Ocorrência (B.O) e as imagens das câmeras de segurança dos veículos são cedidas à polícia, ‘que em algumas situações consegue identificar os criminosos, porém, a maioria não é solucionada’, informou a entidade.

Conforme os registros do Sinetram, as regiões com maiores índices de crimes nos coletivos são as zonas norte e leste da capital, onde concentram o maior número de usuários, cerca de 400 mil por dia.

De acordo com secretário-executivo de operações, da Secretaria de Estado de Segurança Pública (SSP-AM), Orlando Amaral, desde a semana passada, a operação ‘Transporte’ está nas ruas, realizando o trabalho de combate à criminalidade em ônibus que fazem o transporte para empresas do Distrito Industrial e em ônibus do transporte coletivo nas zonas leste e norte de Manaus.

Conforme Amaral, a ação foi iniciada em resposta as reclamações dos empresários. A média de sete assaltos diários também foi considerada alta pelo secretário-executivo.

“Identificamos que estava acontecendo mais (assaltos) no Jorge Teixeira e em outros bairros da zona leste e norte. Os empresários procuraram a secretaria com essa demanda e o secretário pediu para que a gente intensifique o trabalho, que, na verdade, funciona como um reforço ao que a PM (Polícia Militar) já faz”, garantiu ele.

A operação é realizada com barreiras policiais itinerantes e abordagens de ônibus em movimento, principalmente na redução de velocidade, próxima a lombadas e paradas de desembarque, segundo informou Amaral. O secretário-executivo também informou que a SSP ainda não realizou um balanço da primeira semana de operações.

Cartão Passafácil

O usuário que quiser emitir o cartão cidadão deve se dirigir a um dos postos de atendimento do Sinetram e apresentar RG e o CPF. A emissão da primeira do cartão via é gratuita, a partir da segunda via o usuário paga uma taxa de R$ 15.

Os postos de atendimento localizados e dos Terminais de Integração 3, 4 e 5, e o posto central, localizado na avenida Constantino Nery, ao lado do T1, funcionam de segunda a sexta de 7h às 19h. Nos PAC’s o atendimento é de segunda a sexta de 8h às 17h.

VÍDEOS