Criança de 1 ano é internada com sinais de queimadura no rosto e nos pés, em Manaus

Menina também apresenta hematomas por todo o corpo, e segue internada no Pronto Socorro Platão Araújo. Um Inquérito Policial de lesão corporal foi aberto para investigar a autoria do crime

Jucélio Paiva

Manaus – Uma criança de 1 ano e 2 meses está internada no Hospital e Pronto Socorro Platão Araújo, na zona leste de Manaus, por suspeita de maus tratos. A menina apresenta marcas de queimadura no rosto e nos pés, além de hematomas nas costas e pescoço, testa e olhos, conforme informações do conselheiro tutelar José Weverton, do Conselho Tutelar da Zona Leste 2.

A menina apresenta marcas de queimadura no rosto e nos pés, além de hematomas nas costas e pescoço, testa e olhos (Foto: Divulgação/Conselho Tutelar)

Segundo Weverton, a criança deu entrada na unidade hospitalar na noite do último sábado (22), após ter sido levada pela mãe, uma jovem de 18 anos, e o padrasto, de 21 anos. Ainda segundo o conselheiro, a família mora no bairro Jorge Teixeira.

De acordo com o conselheiro tutelar, após a equipe médica suspeitar do crime, o Conselho Tutelar e a Delegacia Especializada em Proteção à Criança e ao Adolescente (Depca) foram acionados pela direção do Pronto-Socorro Platão Araújo.

A delegada titular da Depca, Joyce Coelho, confirmou, por meio de assessoria de imprensa, a versão do conselheiro tutelar sobre o caso, e relatou que a mãe e o padrasto da criança já foram ouvidos, e foi instaurado Inquérito Policial (IP) de lesão corporal para investigar a autoria do crime.

Segundo informações da delegada Joyce Coelho, a mãe da vítima alegou, durante depoimento, que a menor tinha tomado um soro via oral e por conta disso acabou se engasgando, sofrendo uma convulsão, o que não foi identificado pelos servidores do hospital. “As diligências estão sendo tomadas junto ao Instituto Médico Legal (IML), para a realização de outras perícias, para uma perfeita apreciação do fato e da autoria”, salientou a delegada por meio de assessoria de imprensa.

Ainda segundo a delegada da Depca, por volta das 19h do último sábado, policiais militares da 30ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom) também foram acionados pelo Hospital e Pronto Socorro Platão Araújo para atenderem uma ocorrência de maus tratos que teve como vítima uma criança de 1 ano e 2 meses.

Ao chegarem ao local, os policiais foram informados pelos servidores da unidade hospitalar que a vítima se encontrava no setor de reanimação infantil apresentando hematomas por todo corpo. Ainda segundo os funcionários da unidade de saúde, foram identificadas supostas queimaduras no rosto e nos pés da criança, além de hematomas na testa e olhos, de acordo com a delegada.

A vítima segue internada no Pronto Socorro Platão Araújo. A reportagem da REDE DIÁRIO DE COMUNICAÇÃO (RDC) aguarda nota da Secretaria de Estado da Saúde (Susam) sobre o estado de saúde da criança.

VÍDEOS