Alunos suspeitos de ameaçar escola são detidos pela PC

Um dos alunos fez uma foto com parte do rosto coberto com um lenço preto e o outro aluno publicou a imagem em uma rede social. Publicação lembra o ataque ocorrido em Suzano-SP.

Stephane Simões contato@jornaldezminutos.com.br

Geovany Mateus de Carvalho, 24, e Marcos Vinícius da Silva Mendonça, 18, foram detidos, na manhã de ontem, suspeitos de fazer ameaças, em uma rede social, contra a Escola Estadual Antônio da Encarnação, no bairro Lírio do Vale, zona oeste de Manaus. Os suspeitos são alunos da unidade de ensino e foram detidos nas dependências da escola.

A publicação feita pela dupla lembrava o ataque cometido a uma escola, em Suzano (SP), no dia 13 de março deste ano, em que dez pessoas morreram.

Segundo a Polícia Civil (PC), Marcos Vinicius fez uma foto com parte do rosto coberto com um lenço preto. A foto foi publicada por Geovany, no Facebook, e apagada meia hora depois, mas a postagem já havia sido compartilhada por outras pessoas. Geovany e Marcos Vinícius são alunos do segundo e terceiro ano do Ensino Médio da unidade de ensino.

A foto foi enviada em um grupo de WhatsApp da escola, informando que a dupla planejava fazer um ataque aos alunos da instituição. Conforme o diretor do Departamento de Repressão ao Crime Organizado (DRCO), delegado Sinval Barroso, no fim de semana, um Boletim de Ocorrências foi registrado pela pedagoga da unidade de ensino. Após a imagem ser compartilhada, os pais ficaram preocupados e começaram a ligar para escola pedindo informação.

Os jovens foram conduzidos ao DRCO, no final da manhã de ontem, onde prestaram depoimento e assinaram um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO). Eles foram liberados e responderão ao processo em liberdade. De acordo com Barroso, os suspeitos responderão por apologia ao crime, incitação e ameaça.

“Isso não é brincadeira. Isso é uma situação criminosa, previsto no código penal, e eles estão sendo punidos de acordo com a lei. As pessoas não estão respeitando o momento de luto que a sociedade brasileira está passando, querendo se aproveitar disso de qualquer forma”, afirmou o delegado.

Postagem foi feita no Facebook e apagada meia hora depois. Geovany e Marcos Vinícius são alunos do segundo e terceiro ano do Ensino Médio. (Foto: Raquel Miranda)

VÍDEOS