Adolescente engravida do pai e denuncia abusos sofridos desde os 10 anos, em Parintins

O pai da vítima, de 39 anos, foi preso após ser denunciado na delegacia de Parintins. Ele tentou se esconder na mata mas foi capturado

Da Redação

Manaus – Um homem de 39 anos foi preso, na manhã desta terça-feira (6), suspeito de estuprar e engravidar a própria filha, de 15 anos, em Parintins (a 369 quilômetros a leste de Manaus). A prisão ocorreu em ação integrada entre policiais civis e militares de Parintins, coordenada pela delegada do município, Alessandra Trigueiro. As informações são da Polícia Civil (PC).

O suspeito foi preso no lago do Igarapé Açu, na Comunidade do São Tomé, Rio Uiacurapá, em Parintins. Após chegada dos policiais ao local, o homem fugiu e se escondeu em uma área de mata. Mas, depois de cinco horas de perseguição, a equipe policial conseguiu capturá-lo.

A denúncia de abuso sexual chegou ao conhecimento da Polícia Civil após a filha do suspeito ter dito à delegada Alessandra Trigueiro que sofria abuso sexual do pai desde os 10 anos de idade. À polícia, a vítima relatou que o pai a chamava para a cama, onde tirava sua roupa e passava as mãos em seu corpo, seios e partes íntimas.

Quando tinha 12 anos de idade, a vítima relatou que era agredida com fio elétrico, pelo suspeito, para obrigá-la a manter relações sexuais com ele. Após os abusos, o pai ameaçava a garota, afirmando que a mataria, caso ela contasse sobre os estupros. Os abusos sexuais resultaram na gravidez da vítima, que ocorreu no ano passado.

Segundo a PC, os estupros eram cometidos na Comunidade São Francisco, Paraná do Espírito Santo de Baixo, zona rural de Parintins, local onde o suspeito morava com sua mulher e sete filhos menores de idade.

A delegada Alessandra Trigueiro pediu à Justiça que o suspeito fosse preso preventivamente. Segundo a PC, diante de ‘tamanha gravidade dos fatos’, a juíza da 2ª Vara da Comarca de Parintins, Silvânia Corrêa Ferreira, determinou a prisão do homem.

Ainda segundo informou a PC, o suspeito vai responder pelo crime de estupro de vulnerável e será encaminhado para o presídio de Parintins, onde ficará a disposição da Justiça.

VÍDEOS