Detento morre em princípio de motim na Unidade Prisional do Puraquequara

 

Por Thiago Monteiro / Dez Minutos


Manaus – O detento Roberto Campos Palmeiras morreu, na manhã desta quinta-feira (25), após ser agredido durante um princípio de motim na Unidade Prisional do Puraquequara (UPP), na zona leste de Manaus.

De acordo com o titular da Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap), Pedro Florêncio, Roberto estava sendo transferido do Centro de Detenção Provisório Masculino (CDPM) na manhã de hoje, para o UPP, porque estava dando problemas na outra unidade prisional.

“Os detentos não gostaram da transferência e o agrediram, mas a situação já foi contornada”, contou Florêncio.

Roberto foi levado por uma ambulância para o Hospital e Pronto Socorro João Lucio, no bairro São José, zona leste, mas não resistiu aos ferimentos, enquanto os outros internos irão prestar esclarecimentos no 28° Distrito Integrado de Polícia (DIP), no bairro Colônia Antônio Aleixo.

A assessoria de imprensa da Seap informou que ainda não sabe a quantidade de presos que prestará depoimento na delegacia.

 

 

VÍDEOS