Jair Ventura indica força máxima contra Flamengo, mas revela desfalques

Equipe alvinegra tem confronto importante contra o Grêmio, quarta-feira, pela Libertadores

Estadão

São Paulo – O técnico do Botafogo, Jair Ventura, indicou que não irá poupar jogadores para o clássico contra o Flamengo, neste domingo, às 19 horas, no Engenhão, pela 23ª rodada do Campeonato Brasileiro, mesmo diante da proximidade do confronto com o Grêmio, também no Rio de Janeiro, na quarta, pela Copa Libertadores.

O comandante do time carioca também comemorou as duas semanas de folga no calendário, devido às partidas da seleção brasileira pelas Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa de 2018 contra Equador e Colômbia, para preparar a equipe visando as duas competições.

Jair Ventura
Jair Ventura escala força máxima contra o Flamengo Foto: Vitor Silva / SS Press / Botafogo

“Foi um trabalho de recuperação. Perdi cinco jogadores e acabei treinando algumas alternativas. Foi bom para tratar com mais carinho quem não vinha jogando. Passamos nosso modelo de jogo, passamos vídeos. O sonho seria jogar domingo e domingo. Agora, temos chance de recuperar esses jogadores contra o Grêmio”, analisou o técnico em entrevista coletiva nesta sexta-feira após o treino do elenco, no Rio.

Entretanto, Jair Ventura adiantou que terá quatro desfalques para a próxima partida da equipe por causa de lesões. São eles: o zagueiro Joel Carli e os meio-campistas Rodrigo Lindoso, João Paulo e Marcos Vinícius.

O treinador botafoguense admitiu ainda que a eliminação para o rival Flamengo nas semifinais da Copa do Brasil foi traumática para o grupo de jogadores e a comissão técnica, mas rechaçou a possibilidade de encarar o jogo deste domingo como uma revanche para o time.

“Foi doloroso para a torcida e para a gente. Uma eliminação em um detalhe, em uma ‘mágica’ praticamente (drible de Berrío em Victor Luis). Aquele drible foi uma mágica. Calhou de ser na nossa vez, paciência. Da maneira que foi, dói. (Mas) A gente não pode carregar esse peso. Não podemos levar sentimentos ruins para a nossa cabeça porque atrapalha. Uma revanche seria uma coisa ruim. Temos que encarar como uma nova oportunidade de fazer diferente, melhor e conseguir a vitória”, resumiu Jair Ventura.

O Botafogo está em sétimo lugar no Brasileirão, com 31 pontos, abaixo do Cruzeiro, primeiro clube que está no G6, somente pelos critérios de desempate. O Flamengo é o quinto colocado, com 35 pontos. Uma vitória deixaria os botafoguenses a apenas um ponto do rival na classificação do Nacional.

VÍDEOS