Atlético Huila é o novo campeão da Taça Libertadores Feminina

Colombianas asseguraram taça após empatar em 1 a 1 com o Santos e vencer por 5 a 3 nos pênaltis. Iranduba também definiu colocação nas penalidades

Natasha Pinto contato@jornaldezminutos.com.br

Pela vez na história, uma Taça Libertadores Feminina é conquistada por uma equipe colombiana. O Atlético Huila (COL) conquistou seu primeiro título internacional ao vencer o Santos por 5 a 3 nos pênaltis, depois de empatar no tempo regulamentar em 1 a 1, em jogo disputado na Arena da Amazônia. Nas cobranças alternadas, brilhou a estrela da goleira Solare, que defendeu uma cobrança e ajudou o auriverde colombiano a conquistar o título da competição continental.

Com a taça na mão, jogadoras colombianas comemoram a conquista com alguns torcedores que estiveram na Arena da Amazônia ( Foto: Eraldo Lopes)

Iranduba assegura o bronze
Também ontem, o Iranduba da Amazônia conquistou o terceiro lugar da competição nos pênaltis ao vencer por 2 a 0, após empatar no tempo regulamentar em 1 a 1 com o Colo-Colo (CHI). O alviverde irandubense abriu o placar aos 43 do primeiro tempo, após Djeni acertar um belo chute de fora da área. O empate chileno veio no começo do segundo tempo, aos 16 minutos, com a volante Nubiluz que invadiu a área após cobrança de falta e só tocou para o fundo do gol. A estrela da noite foi a goleira Rubi, que saiu do banco de reservas para defender três penalidades cobradas pelas chilenas.

VÍDEOS