Ketlen entra no ranking do UFC e se diz mais motivada

Amazonense disse que o 14ª lugar no ranking da categoria a deixa ainda mais motivada e confiante em subir posições em busca do seu objetivo principal, o cinturão do UFC

Diogo Rocha/contato@jornaldezminutos

Foto: Reinaldo Okita

Manaus – A segunda vitória no Ultimate Fighting Championship (UFC) da amazonense Ketlen Vieira, 25, garantiu uma entrada no ranking do peso Galo Feminino da franquia, que reúne as 15 melhores atletas da categoria. Ela está em 14º lugar pelo Galo e ficou uma posição acima da norte-americana Ashlee Evans-Smith, adversária que Ketlen derrotou por decisão unânime dos juízes no UFC Kansas, nos Estados Unidos, no sábado passado.

A lutadora da Nova União, do Rio de Janeiro, afirmou que a estreia no Ranking do Ultimate era esperada. De volta a Manaus, Ketlen Vieira concedeu uma entrevista à imprensa, nesta quinta-feira à tarde, na academia EnerGym Fitness, no Parque das Laranjeiras, onde costuma treinar quando está na cidade.

“A Ashlee era a 13ª do ranking (do Galo, antes da luta com Ketlen), então, eu já estava na expectativa de entrar. Hoje (ontem) de manhã, já acordei com essa notícia, fiquei muito feliz e mais motivada ainda. O fato da categoria ter poucas lutadoras influenciou muito (a entrada no ranking do UFC)”, afirmou.

Invicta na carreira profissional do Mixed Martial Arts (MMA), com um cartel de oito vitórias, Ketlen espera que o UFC atenda seu pedido para enfrentar na próxima luta a norte-americana Marion Reneau, atual 12º do peso Galo. A ideia da amazonense é testar o próprio potencial para o nível do Ultimate.

“Eu pedi a (brasileira) Bethe Correia (11ª colocada) ou a Marion Reneau. Mas como a Bethe já está com uma luta marcada, pensei na Marion que também é uma atleta duríssima e de alto nível. Ficaria muito feliz em enfrentá-la para me experimentar”, disse a lutadora.

Mas Ketlen Vieira revelou que já solicitou antes uma adversária para o UFC e acabou ignorada. “Para a minha segunda luta pelo UFC eu sugeri a Lauren Murphy (ex-campeã do peso Galo pelo Invicta FC), mas não me deram e enfrentei a Ashlee. Confiamos que vamos vencer a luta e coloco a opção da próxima rival em acordo com a minha equipe”, explicou.

Comentários via Facebook

VÍDEOS