Sexteto é preso suspeito de furtar escola estadual, em Manacapuru

Por Jucélio Paiva


Manacapuru – Dois homens e uma mulher foram presos, e três adolescentes apreendidos, suspeitos de realizarem um furto na Escola Estadual Gilberto Mestrinho, localizada na comunidade do “Tuié”, zona rural de Manacapuru (68 quilômetros de Manaus). A informação foi confirmada pelo major do 9º Batalhão da Polícia Militar (BPM) de Manacapuru, André Gioia.

De acordo com Gioia, o furto na instituição de ensino, aconteceu na madrugada da última segunda-feira (27). A prisão e apreensão dos suspeitos também foi no mesmo dia.

Lidiane Pereira Freitas, 27, Francisco Freitas Lima, 47, Jeferson Gomes Lopes, 27, e os três adolescentes, sendo dois de 14 e outro de 17 anos, foram localizados com 12 notebooks, um televisor de 40 polegadas, uma caixa de som amplificada, aparelho de som receptador, microsistem, binóculos, além de uma botija de gás e produtos alimentícios da instituição de ensino.

Segundo o major André Gioia, o marido de Lidiane, identificado como Alessandro Gomes Lopes, 29, também é suspeito de participar do crime e está foragido.

Ele informou que a primeira a ser presa foi Lidiane, que entregou os outros suspeitos. “Os objetos estavam divididos na casa dos suspeitos, mas conseguimos recuperar”, disse.

Os três maiores de idade foram apresentados junto com os adolescentes, na Delegacia Interativa de Polícia de Manacapuru.

VÍDEOS