Corpo de PM morto em acidente é velado: ‘dor insuportável’, diz irmão

O sargento Sérgio Ramos, integrante da banda de música da PM, morreu após a moto em que ele estava colidir contra uma BMW, na tarde desta quinta-feira, na Avenida Santos Dumont

Joiseane Caldeira / redacao@diarioam.com.br

Manaus – O velório do 2º sargento da Polícia Militar Sérgio Ramos, 49, morto na tarde desta quinta-feira (8), em um acidente de trânsito na Avenida Santos Dumont, no bairro Tarumã, na zona oeste de Manaus, está ocorrendo na manhã desta sexta-feira (9). O corpo está sendo velado no oratório da Polícia Militar (PM), no complexo do Comando Geral, localizado na Rua Benjamin Constant, 2158, bairro Petrópolis, zona sul.

Kaleide Ramos, irmão do PM morto no acidente, disse que a família está em choque. “Estamos arrasados com tudo o que aconteceu. Ele era um homem amoroso e um grande pai de família. Eu nem sabia que ele era tão conhecido assim e amado por muitos. Ele ia fazer 50 anos (em julho) e tivemos essa perda, esperamos por justiça”, disse.
Sargento da PM, Sérgio Ramos (esquerda), foi vítima de um acidente de trânsito, na tarde desta quinta-feira (Foto: Reprodução/Facebook)

Sargento da PM, Sérgio Ramos (esquerda), foi vítima de um acidente de trânsito, na tarde desta quinta-feira (Foto: Reprodução/Facebook)

LEIA TAMBÉM
‘Eu vou te amar pra sempre’, diz filha de sargento da PM morto em acidente

Segundo Kaleide, o irmão voltava do cemitério Tarumã onde fazia as honras para um amigo que tinha falecido. “É meio que irônico mais aconteceu desta forma, nossa família esta com uma dor insuportável. Perdemos uma irmã há trinta anos, também em um acidente, numa calçada”, contou.

O enterro do PM será no Cemitério São João Batista, localizado na Avenida Boulevard Álvaro Maia, bairro Nossa Senhora das Graças, por volta das 16h.

Moto pilotada pelo sargento ficou jogada na pista após o acidente (Foto: Reinaldo Okita)

Acidente

O sargento Sérgio Ramos, que era integrante da banda de música da PM, morreu após a moto em que ele estava colidir contra uma BMW, de cor banca e placa PHY-5250, na tarde desta quinta-feira, por volta das 16h. O motorista do carro fugiu sem prestar socorro e abandonou o veículo no local.

De acordo com o tenente coronel da PM, Márcio Santiago, o policial estava de serviço e faleceu no local. “O Comando Geral da PM lamenta o que aconteceu com o nosso companheiro, que era um cara trabalhador e sempre pronto a atender às demandas. Esperamos que a Justiça seja feita”, disse, nesta quinta-feira.

A assessoria de comunicação da PM informou que Sérgio Ramos estava voltando de um velório de outro colega policial onde realizou uma “escolta fúnebre”. Ele tocava corneta na banda da Polícia Militar.

Segundo o subcomandante geral da PM, Álvaro Cavalcante, o condutor do veículo tentou fazer uma ultrapassagem. “Ele entrou na contra mão e bateu a moto do sargento. O Ramos sempre foi à pessoa que fazia as honras militares e, com certeza, amanhã (nesta sexta-feira), no enterro, ele também será homenageado com todas as honras merecidas. Ele era uma pessoa muito querida por todos e realmente foi algo lamentável”, comentou.

VÍDEOS