Malaba Jam Festival chega à sexta edição neste sábado, no Largo São Sebastião

Nesta edição, além do tributo a Rafael Derzi, o Malaba, falecido há cinco anos, o festival homenageará os artistas Maurizio Torres, o Maumao, e Bob Medina

Com informações da assessoria / redacao@diarioam.com.br

Manaus – Pela primeira vez, o Largo São Sebastião, no Centro de Manaus, será palco do Malaba Jam Festival (MJF), neste sábado (4). Nesta edição, além do tributo a Rafael Derzi, o Malaba, falecido há cinco anos, o festival homenageará os artistas Maurizio Torres, o Maumao, e Bob Medina, falecidos este ano. O festival é gratuito e conta com apoio da Prefeitura de Manaus, por meio da Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Eventos (Manauscult).

Malaba Jam Festival chega à sexta edição neste sábado (Foto: Bruno Kelly/Divulgação)

Na lineup do MJF, Dj Kimono (Amazontribe) vs PH (Jacundá Crew); O Tronxo (jam com Marcelo Nakamura e Marcos Cileno); Gramophone (jam comMilton Cabocrioulo); Alaídenegão (jam com Frederico Ramos, crooner e garimpeiro da The Stone Ramos); Os Tucumanus e Jhonny Jack Mesclado. Nos intervalos os djs Tubarão e Portuga assumem as pick-ups.

Uma das organizadoras do Malaba Jam Festival, Lane Lima, destaca que, além de um encontro musical, o festival mantém sua finalidade social de arrecadar alimentos para o grupo Raio de Sol, que dá apoio voluntário às crianças portadoras de doenças do sangue, de baixa renda, em tratamento no Hemoam.

“Em todas as edições, o Malaba Jam Festival recebe doações de alimentos, como arroz, feijão, macarrão, óleo, café, açúcar, lata de leite em pó integral e complemento alimentar, com a finalidade de ajudar o Grupo Raio de Sol que apoia voluntariamente crianças portadoras de doenças do sangue, de baixa renda, em tratamento no Hemoam. Essas doações são a marca do MJF, por isso a importância da contribuição de todos. Teremos um ponto de coleta no evento”, ressaltou.

Segundo Lane, o festival vem crescendo a cada nova edição, tanto em relação ao público, quanto às doações. “Muitos não chegaram a conhecer o Malaba, inclusive, muitos chegam até nós para participar ajudando voluntariamente na organização. Me sinto muito agradecida por tudo o que o festival gera de energia boa e o sentimento de solidariedade”, comentou.

Homenagens

Além do tributo ao Rafael Derzi, o Malaba, músico que dá nome ao festival, o evento fará homenagem especial aos artistas Maurizio Torres, o Maumao, e a Bob Medina, que também partiram, de forma prematura, neste ano. “Queremos manter viva a memória desses artistas que tanto contribuíram para a cena cultural no Amazonas”, comentou Lane.

O grupo Kirar, Nativos Crew com codireção de Carol Calderaro e trilha sonora ao vivo de Marcos Tubarão, realizará a performance “Hey Bob!!”, homenageando Medina.

Já o grupo de artistas visuais, liderado por Romahs Mascarenhas, formado por Débora Erê, Kerolayne Kemblim, Nadja Kristina, Turenko Beça e Lobão, mostrará toda expressividade pungente da região por meio de interferências ao vivo. Um dos destaques será a pintura no estilo realista do rosto do Maumao pelas mãos do grafiteiro Lobão.

Atrações Musicais
16h – Dj Kimo (Amazontribe) vs PH (Jacundá Crew)
17h – O Tronxo (jam com Marcelo Nakamura e Marcos Cileno)
18h – Gramophone (jam com Milton Cabocrioulo)
19h – AlaideNegão (jam com Frederico Ramos, crooner e garimpeiro da The Stone Ramos)
20h – Os Tucumanus
21h – Johnny Jack Mesclado
Nos Intervalso DJ Tubarão e DJ Portuga !!

VÍDEOS